Páginas

março 20, 2015

Há Algo Melhor Do Que Encontrar Sua Alma Gêmea



Melhor do que encontrar sua alma gêmea é encontrar-se a si mesmo.
Almas gêmeas – sim, no plural – servem apenas para refletir aquilo que somos, no caso de ainda não sabermos ou de termos esquecido. Não são complementares mas extremamente parecidas, daí o erro e a confusão de querermos nos aproximar delas uma vez que, como diria Caetano: ‘Narciso acha feio o que não é espelho’!
Não há nada melhor que descobrirmos quem somos, o que podemos ser e do que gost
amos, do que precisamos. Só se pode amar aquilo que se conhece – se não completamente pelo menos em parte! – e ninguém pode amar a si mesmo se não se conhecer.
A falta de amor próprio faz com que busquemos alguém para fazer isso por nós, alguém que possa nos amar e suprir essa falta.  Fazendo isso, estamos delegando poderes quase que divinos a outrem, terceirizando o que talvez seja a maior responsabilidade das nossas vidas!
Nada contra almas gêmeas, almas complementares, buscar um ou o amor das nossas vidas desde que continuemos no processo de autoconhecimento e de autovalorização, de autoapaixonamento!
Quando a gente se descobre, se ama e se respeita, tudo o que vier do outro é lucro, é perfumaria e não necessidade! É aquele biscoitinho que acompanha o café e deixa de ser a refeição principal.
Sim, há algo melhor do que descobrir a alma gêmea, descobrir que ela não é primordial.

0 Comentários: